Precisa de ajuda?

11 4191-9848

Como montar um fluxo de Caixa.

Por ser um controle fundamental para identificar a real situação financeira de um negócio. Saber como montar um fluxo de caixa é essencial para os gestores e donos de comércios varejistas e atacadistas que querem estar cientes de tudo o que acontece em sua empresa.

Ferramenta que permite conhecer quais são os recursos financeiros disponíveis em um negócio. O fluxo de caixa é também uma fonte de dados e informações que ajudam a tomar decisões estratégicas mais assertivas. Levando o negócio a crescer de forma sustentável e aumentar seus lucros. Veja nossas dicas para fazer o controle do seu caixa de forma eficiente e prática.

Informações que devem constar em um fluxo de caixa.

Para quem quer entender como montar um fluxo de caixa, compreender as informações que formam esse controle é imprescindível. Para começar, é preciso definir o espaço de tempo que será registrado e analisado. Controles feitos por períodos de 12 meses, por exemplo, são bastante eficazes.

É necessário também levantar e registrar todos os valores à disposição da empresa. Isso inclui montantes em caixa, em contas bancárias, aplicações e caixinhas. Será preciso ainda fazer o registro de todas as contas a pagar e a receber. A junção dessas informações levará aos valores finais do seu controle de fluxo de caixa.

Escolha uma forma para fazer seus registros financeiros e contábeis.

Os registros necessários para elaborar o fluxo de caixa podem ser feitos de diversas formas e em algumas empresas ainda são priorizados os controles feitos de forma manual. Com o uso de planilhas ou livros contábeis.

Em outras, a tecnologia tem sido a escolha e softwares de gestão financeira e contábil têm sido implantados para fazer a coleta e o compartilhamento dos dados necessários para realizar o fluxo de caixa.

Usando um ERP será mais fácil entender como montar um fluxo de caixa.

Embora seja sim possível realizar o fluxo de caixa de forma manual, com registros em papel ou em programas como o Excel. Esses métodos são bastante vulneráveis a falhas e podem resultar na geração de dados e informações inexatas e não confiáveis.

O uso de um ERP, com módulos e funções para controle financeiro diminui sensivelmente os riscos de erros e gera dados, análises e relatórios bastante assertivos. Garantindo a elaboração de um fluxo de caixa que apresenta a real situação das finanças da empresa. Permitindo identificar problemas e buscar soluções que aperfeiçoem a gestão do negócio.

Quer saber mais sobre como montar um fluxo de caixa e usar essa ferramenta para levar seu comércio à expansão e ao aumento dos lucros? Veja também nosso artigo com razões para automatizar o fluxo de caixa no varejo.

Receba um atendimento consultivo de um de nossos especialistas

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

MAIS DICAS PARA VOCÊ

Esses artigos podem lhe interessar

image

O que é fluxo de caixa e como ele pode ajudar sua empresa 

Você sabe o que é fluxo de caixa? Em um mundo empresarial, saber gerenciar as finanças é um dos pontos mais importantes para se manter no mercado e crescer.   Nesse…
image

Integrações para supermercado: conheça as principais

Você sabe o que são Integrações para supermercado? Em um mercado cada vez mais competitivo, os supermercados precisam estar preparados para atender às demandas dos clientes e oferecer uma experiência…
image

Metas de venda: Por que são importantes para seu supermercado  

As metas de venda sempre estiveram presente nas empresas em geral, por ajudar a aumentar as vendas e a melhorar diversos pontos importantes, nesse mesmo sentido a definição de metas…