Precisa de ajuda?

11 4191-9848

Sua gestão fiscal e contábil é eficaz?

Desde a época de faculdade, as palavras “Contabilidade” e gestão fiscal sempre foi uma barreira para meus colegas de sala. Com exceção dos apaixonados pelos números, fórmulas e contas, muitos tinham inquietude e desconforto pela complexidade e dificuldade da matéria. Escrituração Fiscal, Impostos, Balanços, Livros Fiscais e etc, eram termos que não entravam na cabeça de alunos apaixonados por código e programação do curso de Ciências da Computação.

Bom, os anos passaram, e hoje percebo que o problema não se restringe apenas aos tecnólogos de plantão, mas aflige a todos que não trabalham na área. Ainda bem 🙂

Na semana passada, em uma visita a uma rede de supermercados, um gerente foi enfático ao afirmar que há anos enfrenta problemas na gestão fiscal e contábil da empresa. Falta de integração, informações desencontradas, números que não fecham e etc. Nem o sistema novo implantado há três anos resolveu o problema.

De fato este é um cenário real, que acontece com muitos supermercadistas e gestores de lojas de comércio. Mesmo sendo terceirizada, a Contabilidade, quando não é integrada ao sistema de gestão, gera retrabalho, mais custos e afeta a produtividade do negócio – conseqüência: Prejuízo.

Para se ter um bom gerenciamento contábil e fiscal é preciso adotar práticas e processos que permitam ao empresário, de maneira simples e rápida , analisar todos os dados de sua empresa com precisão para a correta tomada de decisão.

O primeiro passo é verificar se todos os demais módulos do sistema de gestão atual estão integrados e alimentam a Contabilidade, isto significa que transações como – emissão de uma
nota fiscal, pedido de compra ou até mesmo o fechamento de vendas de um PDV – devem enviar automaticamente as informações necessárias para o sistema fiscal-contábil.

Uma vez integrado e sincronizado, o sistema Contábil precisa ser flexível e funcionalmente robusto. No bate-papo com o gerente do supermercado, ficou claro frustração dele pela falta de completude do sistema. Para ser eficaz, algumas funções são essenciais:

  • Escrituração Fiscal completa, apuração dos impostos (Pis – Cofins – Icms – Ipi) por “Seção”.
  • Controle total sobre os itens submetidos às regras da “Substituição tributária
  • Emissão de Relatórios de apuração a qualquer momento da operação da rede de varejo, sem parada do sistema.
  • Emissão dos “Balancetes”, “Razão” e livros Fiscais.

Existem outras inúmeras funcionalidades necessárias para implantação de um modelo de gestão fiscal – contábil eficiente e produtivo, além disso, precisa-se primar pela utilização das melhores práticas e processos desta área. O treinamento da equipe também é fundamental.

Nessa hora, é melhor não arriscar, a recomendação é buscar ajuda especializada, se necessário, contratar recursos externos ou uma empresa capaz de entender os problemas e oferecer a solução mais adequada, totalmente customizada e de baixo custo. O conhecimento e a experiência realmente fazem a diferença.

Receba um atendimento consultivo de um de nossos especialistas

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

MAIS DICAS PARA VOCÊ

Esses artigos podem lhe interessar

image

O que é fluxo de caixa e como ele pode ajudar sua empresa 

Você sabe o que é fluxo de caixa? Em um mundo empresarial, saber gerenciar as finanças é um dos pontos mais importantes para se manter no mercado e crescer.   Nesse…
image

Integrações para supermercado: conheça as principais

Você sabe o que são Integrações para supermercado? Em um mercado cada vez mais competitivo, os supermercados precisam estar preparados para atender às demandas dos clientes e oferecer uma experiência…
image

Metas de venda: Por que são importantes para seu supermercado  

As metas de venda sempre estiveram presente nas empresas em geral, por ajudar a aumentar as vendas e a melhorar diversos pontos importantes, nesse mesmo sentido a definição de metas…