Precisa de ajuda?

11 4191-9848

Como fazer Markup: Como funciona e como calcular os preços

Aprender como fazer markup é muito importante para qualquer negócio, uma vez que a definição dos preços de produtos e serviços deve ser realizada, de modo que, ele consiga cobrir todos os gastos da empresa.

Isso consequentemente é um grande desafio para os empreendedores, pois uma série de variáveis como taxas, impostos, custos fixos e entre outros são levados em consideração.

Caso algum desses valores seja esquecido no momento do cálculo, não sendo repassado aos clientes, a empresa acaba ficando com uma lucratividade menor.

Então, para que problemas como esses não aconteçam é muito importante fazer markup para calcular corretamente o preço dos seus produtos ou serviços.

O que é markup?

Ele é um índice multiplicador que é aplicado ao custo do serviço prestado ou a produtos vendidos.

Ele é utilizado para garantir que o preço de vendas seja suficiente para cobrir todos os custos como, por exemplo, gastos fixos e variáveis que estão envolvidos com a produção e entrega de produtos ou serviços.

Algumas empresas costumam criar estratégias mais avançadas utilizando diferentes markups para o mesmo produto ou serviço.

Para isso que isso seja feito é levado em consideração o momento do mercado ou a margem de lucro que deseja ser alcançado, assim o cálculo é feito com um índice diferente.

Essa prática é recomendada por diversas instituições que são referências em negócios como, por exemplo, SEBRAE, Endeavor e a própria OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

Como é composto o markup?

Agora que você sabe o que é markupe e sua importância para o cálculo do lucro, é necessário saber os elementos que compõem essa estratégia.

  • DV – Percentual de despesas variáveis

São as despesas variáveis que influenciam sobre a venda, comissão, impostos, receita, frete, caso tudo seja embutido no preço do produto/serviço.

  • DF – Percentual de despesas fixas unitárias

São os gastos fixos que um produto precisa cobrir como, por exemplo, salários, internet, contas de água, telefone e entre outras.

  • ML – Margem de Lucro Desejada

Percentual que o empresário deseja obter como margem de lucro nos seus produtos.

Como fazer markup corretamente?

Agora que você conheceu os elementos envolvidos no cálculo do markup, é importante agora entender como a fórmula funciona na prática.

Para isso, vamos levar em consideração o seguinte exemplo:

Markup = 100/ [100 – (DV + DF + ML)]

A forma mais fácil de obter os índices de DV e DF é analisando o DRE Simplificado ou Gerencial do seu negócio.  Por exemplo:

  • Receita operacional da sua empresa: = R$ 100 mil
  • Custos diretos da empresa: = R$ 40 mil
  • Despesas variáveis da empresa: = R$ 20 mil
  • Despesas fixas da empresa: R$ 30 mil.
  • Lucro: = R$ 10 mil.

Considerando a tabela podemos perceber que:

  • DV = 20 mil / 100 mil = 20%
  • DF = 30 mil / 100 mil = 30%
  • ML = 10% caso o empresário deseje manter o lucro obtido.
  • Markup =100 / [100 – (20 + 30 + 10) ] = 100 / (100 – 60) = 100 / 40 = 2,5

Há empresas que fazem um estudo mais detalhado em cada produto para identificar um cálculo ainda “mais justo”.

Se você deseja fazer o mesmo em seu negócio é preciso seguir os passos abaixo:

  1. Levar em consideração apenas a receita do produto estudado,
  2. Separar as despesas variáveis que influenciam sobre o produto,
  3. Fazer o rateio de custos fixos, para analisar quanto determinado produto deve pagar.

Vantagens de fazer markup em sua empresa

O markup é uma estratégia de cálculo que proporciona algumas vantagens para as empresas como, por exemplo:

  • Processo de precificação padronizado

Com essa estratégia fica mais fácil definir os preços de cada produto, assim os produtos rapidamente ficam prontos para irem à prateleira.

Além disso, o markup padroniza o processo de definição de preços, o que permite que os funcionários possam precificar os produtos, sem precisar esperar que a gestão informe os valores.

  • Facilidade para definir limites de descontos

Com o cálculo dos preços realizados corretamente fica mais fácil limitar o descontos no preço dos produtos, de modo que essa ação não cause prejuízos.

  • Aumento de lucro

Ao levar em consideração o preço definido pelo markup, fica mais fácil definir preços estratégicos para os seus produtos ou serviços, podendo assim obter mais lucro com as vendas.

Conclusão

Calcular o preço unitário de cada produto não é tão simples como você deve saber.

Afinal, todas as variáveis devem ser incluídas no cálculo para que o preço do produto seja capaz de cobrir todos os custos.

Então, para essa etapa seja realizada com mais facilidade você deve aprender como fazer markup.

Receba um atendimento consultivo de um de nossos especialistas

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

MAIS DICAS PARA VOCÊ

Esses artigos podem lhe interessar

image

O que é fluxo de caixa e como ele pode ajudar sua empresa 

Você sabe o que é fluxo de caixa? Em um mundo empresarial, saber gerenciar as finanças é um dos pontos mais importantes para se manter no mercado e crescer.   Nesse…
image

Integrações para supermercado: conheça as principais

Você sabe o que são Integrações para supermercado? Em um mercado cada vez mais competitivo, os supermercados precisam estar preparados para atender às demandas dos clientes e oferecer uma experiência…
image

Metas de venda: Por que são importantes para seu supermercado  

As metas de venda sempre estiveram presente nas empresas em geral, por ajudar a aumentar as vendas e a melhorar diversos pontos importantes, nesse mesmo sentido a definição de metas…