Capa blog x e-mail marketing (28)

Gestão de supermercado: 6 erros que devem ser evitados  

A gestão de supermercado é muito importante para garantir o funcionamento do estabelecimento, porém ela pode ser muito desafiadora porque diversas áreas precisam ser gerenciadas com eficiência ao mesmo tempo. 

Por isso, é comum que erros na gestão aconteçam e de alguma forma prejudiquem o estabelecimento. Mas, o que fazer para resolver isso?  

Neste artigo você vai entender como fazer uma boa gestão no seu supermercado, evitando os principais erros e utilizando o sistema ERP Titan Software para auxiliar.  

O que é a gestão de supermercado? 

Para facilitar o entendimento podemos dizer que a gestão de supermercados é um conjunto de práticas utilizadas para administrar um supermercado com mais eficiência. 

Essas práticas vão desde o gerenciamento do estoque até a precificação de produtos, passando pela gestão de equipe, finanças e marketing. 

A gestão de supermercados busca aumentar a eficiência e a lucratividade do negócio, garantindo que os produtos estejam disponíveis para os clientes, oferecendo promoções e ofertas atrativas, além de manter o controle sobre os custos e despesas do supermercado. 

Ela é fundamental para manter a competitividade no mercado e oferecer uma experiência de compra agradável e satisfatória para os clientes.  

Qual a importância da gestão de supermercado? 

A gestão de supermercado é fundamental para o sucesso do negócio, pois envolve a administração de diversos processos relacionados à venda de produtos e serviços. 

Nesse sentido, os gestores ainda ficam responsáveis por gerenciar desde a logística de fornecedores até a gestão de estoque, precificação e atendimento ao cliente. 

Por isso, a boa gestão é importante para garantir a eficiência e a rentabilidade do negócio. 

Isso significa controlar as despesas, maximizar as receitas, reduzir perdas, oferecer um bom atendimento ao cliente e manter o estoque abastecido com produtos de qualidade e em quantidade suficiente. 

O que você pode fazer para garantir uma boa gestão de supermercado 

Para garantir uma boa gestão de supermercado, você deve ter uma visão ampla do negócio e estar atento a todas as áreas que o compõem. Além disso, a gestão do seu supermercado deve estar focada em manter o equilíbrio financeiro do estabelecimento, controlando despesas e aumentando as receitas. 

Ela também deve ser capaz de identificar e solucionar problemas rapidamente, sempre com objetivo de garantir a satisfação do cliente. 

Para isso, é necessário investir em um sistema ERP para supermercado, treinar a equipe, estabelecer processos objetivos e monitorar constantemente o desempenho do negócio. 

Para garantir uma boa gestão, você também precisa estar atento às tendências de mercado e às demandas dos clientes, buscando sempre inovar e oferecer produtos e serviços que atendam às necessidades do público. 

Conheça os erros que devem ser evitados na gestão de supermercado 

Para garantir uma boa gestão no seu supermercado, você precisa estar ciente de alguns erros que devem ser evitados. 

1. Não dar atenção às tributações: 

Esse erro de gestão pode resultar em multas e penalidades financeiras para o supermercado. 

Por isso, você precisa sempre estar atento às obrigações fiscais, como impostos e contribuições, para evitar problemas com o fisco e manter a saúde financeira do negócio. 

2. Descuidar do estoque 

A falta de controle do estoque pode levar a problemas de ruptura de produtos, perda de vendas e prejuízos financeiros. 

Por causa disso, você deve monitorar o estoque e garantir que os produtos estejam disponíveis em quantidade e qualidade adequadas. 

3. Não investir em tecnologias e armazenamento de dados 

A tecnologia é uma aliada importante na gestão de supermercados, permitindo a automação de processos, a análise de dados e a otimização de resultados. 

Não investir em tecnologias e armazenamento de dados pode limitar o potencial do negócio e dificultar a tomada de decisões estratégicas. 

4. Competir apenas em preço esquecendo da qualidade 

Focar apenas em preços baixos pode atrair clientes no curto prazo, mas pode comprometer a qualidade dos produtos e serviços oferecidos pelo supermercado. 

Em razão disso, você precisa buscar um equilíbrio entre preço e qualidade, para garantir a satisfação dos clientes e a fidelização deles. 

5. Péssimo atendimento: 

O atendimento ao cliente é um fator determinante na experiência de compra e na fidelização dos clientes. 

No entanto, um péssimo atendimento pode afastar os clientes e prejudicar a imagem do supermercado no mercado. 

6. Mix de produtos pobre e ruptura de gôndola 

Oferecer um mix de produtos diversificado é importante para atender às necessidades e preferências dos clientes. 

Porém, a ruptura de gôndola, ou seja, a falta de produtos nas prateleiras pode comprometer a satisfação dos clientes e afastá-los do seu supermercado. 

Por isso, é necessário monitorar o estoque e garantir que os produtos estejam sempre disponíveis nas gôndolas. 

Implemente o Sistema ERP Titan Software para melhorar a gestão do seu supermercado 

 O Sistema ERP Titan Software é uma solução completa para a gestão de supermercados, que pode ajudar a evitar erros e melhorar a eficiência do seu negócio. 

Com esse sistema, é possível integrar todos os processos da empresa em uma única plataforma, facilitando a gestão financeira, o controle de estoque, a precificação, o atendimento ao cliente e outros aspectos relevantes. 

Com a nossa ferramenta, os gestores de supermercado podem ter acesso a dados precisos e em tempo real sobre o desempenho do negócio, permitindo uma tomada de decisão mais estratégica e assertiva. 

Além disso, o sistema oferece recursos de automação, que ajudam a reduzir o tempo e o esforço gastos em tarefas operacionais, permitindo que a equipe se dedique a atividades mais importantes para o sucesso do negócio. 

Utilizando o nosso sistema ERP é possível evitar erros de gestão comuns em supermercados, como a falta de controle de estoque, a ruptura de gôndolas, a falha no atendimento ao cliente e outros problemas que podem prejudicar a imagem do negócio e comprometer sua rentabilidade. 

O Titan Software é a ferramenta certa para a gestão do seu supermercado 

O nosso sistema ERP para supermercado é uma ferramenta de gestão completa, com ela você pode gerenciar desde o estoque até as finanças do seu negócio.  Então, não perca mais tempo e entre em contato conosco para saber mais.  

Capa blog x e-mail marketing (27)

Sistema de gestão de tesouraria: quais suas funções e como fazer 

O sistema de gestão de tesouraria é uma ferramenta fundamental para garantir a eficiência e a eficácia das operações financeiras de uma empresa ou organização.  

Ele permite uma visão completa e integrada dos recursos financeiros, permitindo que os responsáveis pela gestão de tesouraria tomem decisões informadas e eficazes. 

O sistema de gestão de tesouraria pode incluir uma combinação de software, processos e pessoas, e é projetado para automatizar e otimizar várias tarefas, como o controle de fluxo de caixa, o gerenciamento de investimentos e a avaliação de riscos financeiros.  

Além disso, ele também pode incluir recursos de relatórios e análises, que permitem aos responsáveis pela gestão de tesouraria monitorar a situação financeira da empresa e tomar decisões informadas. 

O que é um sistema de gestão de tesouraria? 

Um sistema de gestão de tesouraria é uma combinação de tecnologia, processos e pessoas que ajuda a gerenciar e monitorar de forma eficiente os recursos financeiros de uma empresa ou organização.  

Ele pode incluir ferramentas de controle de fluxo de caixa, gerenciamento de investimentos, avaliação de riscos financeiros e relatórios e análises, e é projetado para ajudar a tomar decisões informadas e otimizar as operações financeiras da empresa.  

Por funcionar assim, esse sistema é uma ferramenta que ajuda as empresas a alcançarem seus objetivos financeiros de forma eficiente e eficaz. 

Quais ferramentas são utilizadas na gestão de tesouraria? 

Como explicado antes, diversas ferramentas podem ser utilizadas para auxiliar os gestores como, por exemplo: 

Controle de fluxo de caixa  

Ferramentas que ajudam a gerenciar e monitorar as entradas e saídas de caixa, incluindo receitas e despesas, para garantir que a empresa tenha uma visão clara de sua situação financeira. 

Gerenciamento de investimentos  

Ferramentas que ajudam a identificar e avaliar oportunidades de investimento, incluindo a avaliação de riscos e retornos, para maximizar os lucros da empresa. 

Análise de risco financeiro  

Ferramentas que ajudam a identificar e avaliar os riscos financeiros que a empresa enfrenta, incluindo a análise de sensibilidade, para que possam ser tomadas medidas para mitigá-los. 

Relatórios e análises 

Ferramentas que fornecem uma visão detalhada da situação financeira da empresa, incluindo relatórios sobre fluxo de caixa, investimentos e posição financeira, para que possam ser tomadas decisões informadas. 

Integração com outras ferramentas financeiras  

Muitos sistemas de gestão de tesouraria também podem ser integrados com outras ferramentas financeiras, como sistemas de contabilidade e gestão de pagamentos, para fornecer uma visão mais ampla e integrada dos recursos financeiros da empresa. 

O sistema ERP pode ser utilizado? 

O sistema ERP (Enterprise Resource Planning) é uma plataforma de software que ajuda a integrar e gerenciar os recursos de uma empresa, incluindo as áreas financeiras, de produção, vendas, compras e recursos humanos.  

Na gestão de tesouraria, o sistema ERP pode ser usado para monitorar e gerenciar as operações financeiras da empresa de forma mais eficiente e eficaz. 

Ao usar um sistema ERP, os dados financeiros da empresa são centralizados e integrados, permitindo que os profissionais de tesouraria tenham uma visão mais clara e completa da situação financeira da empresa.  

Além disso, o sistema ERP pode incluir ferramentas de controle de fluxo de caixa, gerenciamento de investimentos, análise de risco financeiro e relatórios e análises, que podem ser personalizados conforme as necessidades da empresa. 

Outras vantagens de usar um sistema ERP na gestão de tesouraria incluem: 

  • Processos mais automatizados: muitas das tarefas financeiras da empresa podem ser automatizadas, o que economiza tempo e reduz a margem de erro. 

  • Mais visibilidade: o sistema ERP permite que os profissionais de tesouraria tenham uma visão mais clara e detalhada da situação financeira da empresa, incluindo dados sobre fluxo de caixa, investimentos e posição financeira. 

  • Melhor tomada de decisões: o sistema ERP fornece informações precisas e atualizadas sobre a situação financeira da empresa, o que permite que os profissionais de tesouraria tomem decisões mais informadas e acertadas. 

De forma resumida podemos ressaltar que o sistema ERP pode ser uma ferramenta indispensável na gestão de tesouraria. 

Com ele os gestores conseguem gerenciar melhor todos os processos da sua empresa.  

Entenda como o sistema ERP da Titan pode ajudar na gestão de tesouraria  

O sistema ERP da Titan Software foi desenvolvido para auxiliar os gestores na gestão de tesouraria da sua empresa.  Para isso, a nossa ferramenta oferece diversos recursos como, por exemplo: 

  • Controle de fluxo de caixa: o sistema ERP da Titan Software pode ajudar a monitorar o fluxo de caixa da empresa, incluindo entradas e saídas de fundos, e ajudar a planejar e prever futuros fluxos de caixa. 

  • Análise de dados financeiros: o sistema ERP da Titan Software pode incluir análises financeiras avançadas, como demonstrações financeiras consolidadas, orçamentos e previsões financeiras, que podem ajudar a tomar decisões informadas sobre a gestão financeira da empresa. 

  • Integração com outros sistemas: o sistema ERP da Titan Software pode ser integrado com outros sistemas da empresa, incluindo sistemas de contabilidade, pagamentos e sistemas bancários, o que permite uma visão mais clara e integrada dos recursos financeiros da empresa. 

  • Processos automatizados: muitas das tarefas financeiras da empresa podem ser automatizadas pelo sistema ERP da Titan Software, incluindo processos de pagamento, conciliação bancária e relatórios financeiros, o que economiza tempo e reduz a margem de erro. 

Conclusão  

O sistema ERP da Titan Software pode ser uma ferramenta valiosa na gestão de tesouraria, ajudando a integrar e gerenciar os recursos financeiros da empresa de forma mais eficiente e eficaz, e permitindo uma visão mais clara e integrada da situação financeira da empresa. 

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato agora mesmo com um dos nossos atendentes.  

Capa business inteligence

Business Intelligence: Metodologia que ajuda a sua empresa

O Business Intelligence é uma metodologia que pode ser aplicada em qualquer empresa, independente do porte ou segmento de atuação.

No setor varejista, o conceito de BI já é realidade em diversas empresas, após os gestores perceberem a importância de ter uma tecnologia que ajuda na tomada de decisões com base em dados sólidos, obtidos por meio de uma análise realizada nos processos e ações da própria empresa.

Essa ferramenta quando aplicada coleta os dados e apresenta os problemas internos da organização, permitindo em seguida que gestor possa realizar ações mais assertivas.

Assim, automaticamente o BI permite que as empresas varejistas melhorem o seu desempenho, o seu potencial competitivo e as suas vendas, mesmo em um cenário de instabilidade econômica.

No entanto, mesmo o Business Intelligence crescendo no setor varejista, não são todos os gestores que sabem como essa metodologia funciona e quais são os benefícios promovidos.

Por isso, o objetivo do post é explicar como as empresas podem se beneficiar com ele.

O que é Business Intelligence?

O Business Intelligence (Inteligência de Negócios) é um método que se resume ao uso de dados para melhorar a tomada de decisões importantes para um negócio.

Para isso, o BI monitora todas as operações realizadas em todos os setores de uma empresa, em seguida organiza e apresenta os dados obtidos.

Como um gestor de uma empresa varejista ou de qualquer outro setor precisa tomar decisões importantes.

Logo, o BI automaticamente se torna uma ferramenta indispensável para oferecer as informações necessárias no momento certo.  

Os pilares principais do Business Intelligence

Na prática, o conceito do BI se baseia em três pilares que são importantes para moldar a estratégia e permitir a sua eficiência na obtenção das informações.

1.   Coleta de dados

A coleta de dados é responsável por fornecer todas as informações que o gestor precisa sobre a sua empresa.

Essa etapa inicial é imprescindível para qualquer negócio, visto que é por meio dos dados obtidos que as decisões importantes são decididas.

Nesse sentido, uma empresa do setor varejista, por exemplo, pode obter informações sobre custos, rupturas de estoque, vendas, produtividade da equipe e outras.

2.   Organização, análise e apresentação dos dados

Com os dados obtidos, o próximo passo é a organização deles, de forma que seja possível obter insights valiosos.

A organização dos dados é necessária para facilitar a análise das informações importantes que foram obtidas.

No entanto, o profissional responsável por analisar os dados precisa ter noção sobre o mercado que o seu negócio atua, para que possa interpretar as informações corretamente.

Por fim, as informações podem ser direcionadas ao gestor responsável por tomar as decisões importantes.

3.   Monitoramento de resultados

Muitas empresas param os processos do Business Intelligence na fase anterior. Mas, isso é um erro que deve ser evitado, pois é somente após a decisão tomada que a proposta terá eficiência ou não.

Como nem sempre as ações nas empresas são corretas, visto que tanto o mercado quanto a estrutura interna da empresa podem mudar. Por isso, o monitoramento das estratégias colocadas em prática é muito importante.

O acompanhamento dos resultados permite que o gestor possa realizar mudanças nas estratégias que já foram aplicadas.

Os benefícios do Business Intelligence no varejo

O conceito do BI quando focado no setor de varejo pode causar impactos positivos, desde a gestão do estoque até análise interna.  

Então, essa metodologia quando aplicada na sua empresa pode trazer diversos benefícios, entre eles:

1.   Relacionamento com os consumidores do seu negócio

A melhora do relacionamento com os consumidores é um dos principais impactos do BI.

Por meio dos dados obtidos, o gestor sabe exatamente quais são os problemas ou desejos dos seus clientes.

Com isso, pode investir em estratégias de marketing ou de comunicação para melhorar o relacionamento com os clientes.

2.   Ajuda na tomada de decisões importantes

Melhorar o desempenho da empresa é de responsabilidade do gestor, mas atitudes importantes não podem ser tomadas de qualquer maneira.

Então, ao implementar o BI na empresa, o gestor pode usar os dados obtidos para identificar os problemas internos e tomar as medidas cabíveis, com mais facilidade e assertividade.

3.   Gestão do estoque

A gestão do estoque de uma empresa é necessária para evitar problemas como, por exemplo, rupturas, produtos vencidos e outros que causam prejuízos.

No entanto, não é uma atividade simples e, por isso, vale o uso de ferramentas como o BI, que auxilia na otimização do estoque ao permitir o acompanhamento dos produtos.

4.   Controle de metas

O BI também pode ser utilizado para o gerenciamento de metas de vendas.  As empresas do setor de varejo podem trabalhar com várias metas como, por exemplo, coletivas, individuais, valor e outras.

5.   Compreensão financeira

As decisões financeiras são importantes para qualquer empresa, mas na maioria das vezes as informações sobre o setor financeiro são muito complexas.

Nesse sentido, o objetivo do BI é facilitar a compreensão dos dados relacionados ao fluxo de caixa, taxa de inadimplência, nível de endividamento e outros.

Como o Business Intelligence da Titan Software pode ajudar o seu negócio

O BI Titan Software foi desenvolvido por especialistas para auxiliar as empresas do setor varejista.

Com a nossa ferramenta implantada você consegue gerenciar o seu negócio através dos dados obtidos em tempo real.

Para que isso seja possível, o BI funciona com integração ao sistema ERP que permite o acesso a relatórios gerenciais de vendas, recebimentos, estoque, previsões e outras informações.  Além disso, as principais vantagens promovidas são:

  • Média de redução de rupturas em 16%,
  • Média de redução de mão de obra de 7,2%,
  • Dados, informações e conhecimentos em tempo real para o crescimento da sua empresa.

Para saber mais sobre o BI Titan Software você pode entrar em contato agora mesmo com um dos nossos especialistas.

Conclusão

De fato, não é fácil gerenciar uma empresa e tomar decisões importantes quando são necessárias, ainda mais quando se não tem dados do que precisa ser melhorado.

Por isso, o uso do BI hoje em dia é fundamental na gestão de qualquer empresa porque direciona o gestor para o caminho certo através dos dados obtidos. 

Sendo assim, aproveite para conhecer o BI Titan Software e implantar na sua empresa.

capa-gestão-de-supermercado

7 maiores desafios na gestão de supermercado e como resolvê-los

O gestor precisa lidar com desafios na gestão de supermercado para garantir que o seu estabelecimento possa reduzir custos, melhorar o atendimento aos clientes e expandir ainda mais a sua empresa.

Como em todos os negócios existem problemas internos que podem causar prejuízo ou afetar o funcionamento, a gestão é uma atividade necessária para conduzir o supermercado para o caminho certo.

Mas, não basta apenas fazer o “Básico” para garantir os melhores resultados na gestão.

Na verdade, você precisa ir além e desenvolver processos que sejam eficientes e capazes de melhorar as operações e de solucionar os desafios que fazem parte da gestão de qualquer supermercado.

O que é gestão de supermercado?

A gestão de supermercado é uma atividade responsável por gerenciar todos os processos e operações específicas desse tipo de negócio, sempre com objetivo de garantir o melhor funcionamento e o alcance das metas estabelecidas.

O gestor do supermercado precisa dirigir a empresa e ainda se preocupar com outras questões como, por exemplo, compras, negociações, prevenção de perdas, legislação e outras.

Além disso, ele também precisa lidar com outras questões como a gestão de pessoas, gestão de preços, comportamento do consumidor e outras situações rotineiras que fazem com que a gestão de supermercados seja um grande desafio.

Os principais desafios na gestão de supermercado e como resolvê-los

Nos supermercados os problemas internos são comuns e, por isso, a gestão das atividades e operações é necessária para que o gestor possa identificar o que está acontecendo e criar estratégias eficientes para resolver a situação. Os problemas que mais acontecem nos supermercados são, por exemplo:

1.   O desperdício de mercadorias

O desperdício de mercadorias em supermercado é um problema comum que pode acontecer por diversos motivos como, por exemplo:

  • Má conservação,
  • Mercadorias compradas em grande quantidade que passam do prazo de validade,
  • Avarias durante a manipulação ou armazenagem dos produtos.

Os desperdícios de mercadorias causam prejuízos ao supermercado.  Então, para que problema seja cessado, é necessário adotar algumas medidas como, por exemplo:

  • Contratar fornecedores que mantenham a alta qualidade dos produtos,
  • Gerenciar o estoque para comprar os produtos na quantidade adequada e não em demasia,
  • Automatizar a entrada e saída de produtos do estoque usando o Software ERP.

2.   Problemas internos

Os problemas internos no seu supermercado são inevitáveis, principalmente pelo fato de que a sua equipe de colaboradores em algum momento pode ter algum tipo de conflito. 

Então, para solucionar esse problema é necessário colocar em prática a gestão de conflitos, podendo ser dividida em 4 partes, conheça:

  • Apuração: Antes de qualquer ação você precisa descobrir o motivo do conflito entre os colaboradores.
  • Negociação: Na segunda etapa você precisa buscar por soluções para o conflito conversando com todos os colaboradores envolvidos.
  • Resolução: Para complementar a etapa anterior, você precisa se certificar de que o conflito interno foi solucionado.
  • Acompanhamento: Na última etapa você precisa dar atenção aos colaboradores envolvidos no conflito e acompanhar para não haver novos conflitos.

3.   Rupturas de gôndolas

Em algum momento o seu supermercado passou pela experiência de não ter produtos no estoque ou nas gôndolas?  Isso é uma situação chamada Ruptura de gôndolas.

Isso é um erro de gestão que faz com que o seu consumidor procure a concorrência, já que ele não encontrou o produto que queria no seu supermercado.  

Para evitar que esse problema aconteça você precisa ter uma boa gestão de estoque e fornecedores de confiança.

Além disso, é importante contar com uma ferramenta de gestão de estoque como o Sistema ERP Titan Software.

4.   Baixa lucratividade

A baixa lucratividade pode ser consequência de erros na compra dos produtos, na gestão de preço dos produtos e nas promoções oferecidas.  

Então, para solucionar esse problema é necessário que você adote novas medidas como, o controle de estoque, investir em produtos de marcas conhecidas e que ofereçam mais saídas.

Além disso, para realizar promoções sem prejuízos, você precisa primeiramente analisar até que ponto o seu supermercado pode abaixar os preços dos produtos. 

Nesse sentido, não compensa realizar descontos abaixo do preço que foi pago ao fornecedor, pois é necessário ter lucro.

Os descontos mais baixos, geralmente, são destinados aos produtos que estão próximos da data de vencimento e que precisam ter uma saída maior.

5.   Equipe despreparada para algumas funções

Em algum momento você pode perceber que a sua equipe apresentou dificuldades para realizar alguma função. 

Isso pode acontecer quando os colaboradores não foram devidamente orientados. Então, a solução é apenas treinar a sua equipe.

O treinamento pode ser feito por meio de cursos ou de treinamentos específicos.

6.   Dificuldades para cuidar das finanças

A gestão do supermercado também pode ser marcada por problemas nas finanças como, por exemplo, dificuldades para cuidar dos investimentos, gerenciar as despesas e outras questões financeiras.

Gerenciar as finanças é algo que preocupa e gasta muito tempo dos gestores e, por isso, a recomendação é contratar uma equipe de contadores para auxiliar nesta parte.

7.   Problemas na gestão contábil

A gestão contábil é responsável pela emissão de notas fiscais, pagamento de impostos e por outras regras do setor. 

No varejo, são diariamente realizadas transações financeiras que devem estar dentro das leis.  

Como essa etapa não pode ser negligenciada, é importante que ela seja realizada por uma equipe especializada. Assim, você não precisa se preocupar com ela e ainda cumpre todas as obrigações contábeis.

Conclusão

Gerenciar um supermercado não é uma tarefa simples como podemos perceber. 

Por isso, recomendamos que o gestor invista em tecnologias e ferramentas que auxiliem na gestão do seu negócio.

Uma dessas ferramentas é o Sistema ERP Titan Software, com ele você pode gerenciar o seu supermercado, automatizar os processos e ainda aumentar as vendas.

Se você quiser saber mais sobre a nossa ferramenta, basta apenas acessar a página ou entrar em contato agora mesmo com um dos nossos especialistas.